1 de mar de 2012

Futuro.

Se tem uma palavra que serve certinho pra ele é a incerteza.
Sabe quando você é criança, entrou na escola a um ano e começam a perguntar pra você: "O que você quer ser quando crescer?"? Eu sempre ficava trocando de profissão, das mais normais às mais bizarras. Já quis ser veterinária, cabeleireira, professora, cantora, bombeira, espiã, uma das meninas super poderosas... Tinha várias escolhas (menos as duas últimas) que eram aceitáveis. Só que, eu era criança e infelizmente essa fase já passou.


Hoje em dia a pergunta é a mesma, mas a resposta é melhor que seja diferente, principalmente porque eu duvido que você vá conseguir voar em uma mochila à jato como as três espiãs de mais. A pressão pra você escolher uma profissão que lucre, passar no vestibular e ser uma pessoa normal é enorme. Todo mundo procura isso. Todos querem ter uma profissão boa, um salário bom, uma vida boa...Mas infelizmente, nem todos conseguem.
Só que a gente ainda tem chances. Temos várias chances. Chance de acertar, errar, fazer ao contrário... São muitas opções do que fazer e você pode não acertar de primeira. Mas se quiser um conselho meu pra uma escolha de profissão, escolha a que você goste. Que se foda se você não for a pessoa rica, mas o principal na sua vida é ser feliz. E sinceramente é o que deviam ensinar para as crianças, que elas sejam felizes quando crescer. O mais feliz que puderem. E se você é uma pessoa que acha que vai ser feliz só se tiver dinheiro, você está errada, porque a pessoa mais feliz que eu conheço acorda cinco e meia da manhã, trabalha o dia inteiro e sempre está alegre como se não tivesse problemas. Eu sei que ela têm, mas ela esquece disso e curte a vida ao máximo. Essa pessoa é minha empregada/baba/cúmplice a anos e ela me faz rir sempre e faz todos ao redor dela se sentirem bem a sua presença, é claro que ela preferia ter dinheiro, mas ela mostra que a gente pode ser feliz mesmo não tendo tudo na vida.
Bom, esse foi o meu texto da semana com o tema que vocês (6) escolheram, eu gostei muito e foi o Italo que me ajudou com a escolhas dos temas. Esperam que vocês tenham gostado. Júlia Zan será publicitária, jornalista, atriz, cantora, dançarina, mãe e se ainda caber na lista jogadora de tênis. E você? Quero que vocês comentem o que acharam do texto e me digam o que querem ser quando crescer (pode ser hobby também, tá, pelo menos metades das coisas que eu serei são hobbys!!).
Comentem e beijos.

7 comentários:

  1. Sou o João futuro veterinario, médico, mangaka, cantor, advogado, engenheiro e palhaço (:

    ResponderExcluir
  2. eu queria ser o Patrick Estrela,
    num fazer nada o dia inteiro só CAÇAR AGUAS VIVAS COM MEU MELHOR AMIGO BOB ESPONJA! KKKK

    ResponderExcluir
  3. Julia preciso fala com vc urgente entr ano MSN

    ResponderExcluir
  4. Este comentário foi removido pelo autor.

    ResponderExcluir
  5. Ha,entendo como é,muitas incertezas kk
    wolftheideia.blogspot.com

    ResponderExcluir
  6. O problema com o João já foi resolvido, e anônimo: ADOREI!!!! Mesmo não sendo esse o objetivo, se um dia você virar o patrik, me conta!!!!

    ResponderExcluir